Um inverno no Mediterrâneo

Autores

  • Lúcia Cherem Universidade Federal do Paraná
  • Carmem Druciak Universidade Federal do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.24858/69

Palavras-chave:

George Sand, escrita autobiográfica, literatura de viagem,

Resumo

O presente estudo pretende apresentar a escritora francesa, George Sand, no início de uma conjuntura de produção literária que acabou se tornando recorrente em sua obra, a escrita de fortes traços autobiográficos. E é a viagem ao Mediterrâneo o pano de fundo para tal amadurecimento da autora: mulher, irmã, amiga, amante, poeta, mãe e avó – o “entre-mundos e entre-terras” da vida de George Sand, não como um entre-lugar que não é lugar algum, mas um lugar novo, o lugar de uma alma sensível e forte ao mesmo tempo e que conquistou uma posição se afirmando em um mundo predominantemente masculino não sendo diferente apenas por ser mulher, mas, sobretudo por ser capaz, apesar das restrições de sua época.

Biografia do Autor

Lúcia Cherem, Universidade Federal do Paraná

Professora de língua e literatura francesas no curso de Letras da UFPR, tradutora e autora de obras de análise literária e sobre leitura

Carmem Druciak, Universidade Federal do Paraná

Mestre em Estudos Literários pela UFPR, é tradutora e professora de língua e literatura francesas

Downloads

Publicado

04/07/2013

Como Citar

Cherem, L., & Druciak, C. (2013). Um inverno no Mediterrâneo. Revista Diálogos Mediterrânicos, (4), 52–61. https://doi.org/10.24858/69

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.