Descendentes e apologistas do marquês de Pombal. Polémicas novecentistas

Autores

  • Paulo Drumond Braga IECCPMA

Resumo

Nos anos 30 e 40 do século XX, dois descendentes do marquês de Pombal, João de Saldanha Oliveira e Sousa (1878-1970) e João de Carvalho Daun e Lorena (1879-1944), publicaram diversos livros e folhetos sobre o seu famoso antepassado, procurando defendê-lo da visão transmitida por alguns historiadores de pendor revisionista. Foram textos, acima de tudo, reativos, que por sua vez não deixaram de suscitar polémicas, no caso de Oliveira e Sousa com a revista Brotéria, da Companhia de Jesus, e no de Daun e Lorena com Alfredo Pimenta. O tempo era propício a tais controvérsias, que frequentemente motivaram alguns dos nomes mais relevantes da cena intelectual portuguesa. As que envolveram os dois descendentes do marquês de Pombal caíram, como tantas outras, no esquecimento.

Downloads

Publicado

04/02/2022

Como Citar

Drumond Braga, P. (2022). Descendentes e apologistas do marquês de Pombal. Polémicas novecentistas. Revista Diálogos Mediterrânicos, (21), 103–119. Recuperado de https://dialogosmediterranicos.com.br/index.php/RevistaDM/article/view/426